Caloroso consolo

Foi que durante certa noite, dessas que você senta onde deita e se põe alí a olhar fixo para qualquer rumo. Com pensamentos tão fugazes que escorrem pelos olhos… Eu pude então ter a certeza: quão frágil, quão tênue, era a linha entre o caloroso consolo e a desolação glacial.

3 comentários em “Caloroso consolo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s